quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Entre. 1,2,3...Saia

(foto: Rafael Saes)
Um dos meus trabalhos é fotografar eventos. Aniversários, reuniões de negócios, confraternizações...enfim. Tá, aí você pode pensar: "Deve ser chato fotografar evento. Você fica lá - oi, vamos tirar uma foto gente??" É aí que você se engana. O interessante nisso tudo é que você literalmente entra por um instante ao menos na vida de desconhecidos, vê de alguma forma como é a convivência dessas pessoas, troca algumas conversas com uns, alguns sorrisos com outros. É bacana também como as pessoas gostam de ter um fotógrafo por perto pra ir registrando cada momento que ta se passando, engraçado também são os comportamentos distintos. Alguns se empolgam diante da câmera, outros se acanham...e por aí vai. Estranho é imaginar agora que após algumas horas você "sai" da vida daquelas pessoas. Acabou-se o contato, acabaram-se as conversas, acabou-se a troca de sorrisos. As pessoas se cruzam no dia-a-dia e não param pra prestar atenção, simplesmente se cruzam..aleatoriamente. O bom é pensar que em algum momento aquelas pessoas vão se juntar pra relembrar os momentos daquele dia e vão olhar pras fotografias e quem sabe novos sorrisos apareçam, ou lágrimas talvez...quem sabe uma foto não possa resgatar outras lembranças. Sabe quando você lembra de algo a partir de um assunto totalmente desconexo? É bom saber que de alguma forma (mesmo que totalmente indireta) estou afetando positivamente na vida de alguém.

4 comentários:

Stella Brazil disse...

Eu também me sinto assim Rafa...nos sentimos úteis porque fotografamos com o coração!

Naty disse...

eu não largo do seu pé meeesmo.
amei seu blog x]

Fabiana Baioni disse...

É Rafa!
É bacana saber que de alguma forma a gnt contribuiu pra vida de alguém, né?
Seja sorrindo num momento em que essa pessoa já não acredita mais em nada, seja registrando e eternizando um momento especial!
;)

Diogo Saes disse...

ja parei pra pensar nisso rafa... mas nunca como um fotografo! hehehe...

e provavelmente algumas dessas pessoas vc ja cruzou com elas na rua e nem sabe disso..

Esse eh o mundo... tao grande e minusculo ao mesmo tempo... pra mim, uma das mais interessantes dualidades que podemos encontrar.
=D
se cuida mano! te amo!